O professor Adir Pereira, que conduz uma revolução na vida de centenas de garotos de Jordão, um dos quatro municípios isolados do Acre (os outros são Porto Walter, Santa Rosa e Marechal Thaumaturgo), depois de vinte anos de gestão petista, que nenhum futuro garantiu aos meninos, disse agora há pouco que a esperança é o governador Gladson Cameli (Progressistas). Ele levou vários time de meninos e meninas para o aeroporto de Jordão na manhã desta segunda-feira, 23, para fazer uma recepção ao governador, que está indo para aquele município. “Vocês ai da capital já conhecem um pouco do nosso trabalho, que abaixo de Deus salva a garotada de enveredar para o crime, mas queremos mostrar isso para o governador. Abaixo de Deus só ele para salvar nosso projeto”, diz o professor, que com seu trabalho vem fazendo os meninos de Jordão sonhar com dias melhores através do esporte.