Jairo Barbosa para Agora Acre

A Secretaria de Segurança do Acre indicou o delegado que ficará responsável por investigar as supostas fraudes no recebimento do auxílio  emergencial da covid, ofertado pelo governo federal. Em portaria assinada pelo delegado geral de Polícia Civil, Henrique Maciel e publicada no Diário Oficial do Estado, foi definido o delegado Getúlio Monteiro de Castro Teixeira. Segundo o próprio governo, milhares de pessoas receberam ilegalmente as parcelas dos R$ 600,00. No caso mais recente, foram identificados cerca de 17 mil militares que se inscreveram e tiveram ilegalmente, acesso ao benefício. A Caixa Econômica Federal divulgou a lista completa com os nomes de todas as pessoas que receberam as parcelas.