A foto da palma da mão com um “x” pintado de vermelho é uma campanha que está tendo alcance pelas redes sociais no Acre.
Promovida pela AMB ( Associação de Magistrados Brsasileira) com apoio do CNJ ( Conselho Nacional de Justiça) é uma resposta conjunta de integrantes do sistema de Justiça ao recente aumento dos registros de violência em meio à pandemia. Em março e abril, o índice de feminicídios avançou 22,2%, de acordo com o Fórum Brasileiro de Segurança Pública. Já as chamadas para o número 180 tiveram aumento de 34% em comparação ao mesmo período do ano passado, segundo balanço do governo federal.
Entretanto, o estado do Acre foi o que menos ofereceu denúncias de violência Doméstica contra mulher pelo canal 180, motivo pelo qual a Comissão da Mulher Advogada promoveu a Campanha Educativa: Mulher, Conte Comigo! Você Não está Sozinha.
A ideia foi da advogada Isnailda Gondim, da Comissão da Mulher Advogada da OAB/Acre, que tem como objetivo sensibilizar, conscientizar e informar a população sob os canais de denúncia 180 que é Nacional, 181, local e para casos de emergência o 190 que aciona a viatura mais próxima do local dos fatos.

A quarentena colocou, especialmente, mulheres e crianças em situações de maior vulnerabilidade dentro da própria casa. Iniciativas como essa ajudam a reverter a situação e salvar vidas. E as farmácias, por representarem um serviço essencial e terem presença maciça em todo estado, podem ser pontos de apoio fundamentais para ajudar as vítimas.